Axl Rose critica ação policial em Utah que resultou em morte de um cachorro | GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site: Axl Rose critica ação policial em Utah que resultou em morte de um cachorro

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Axl Rose critica ação policial em Utah que resultou em morte de um cachorro


Em seu twitter, Axl Rose criticou a morte de um cachorro que foi baleado na cabeça durante uma operação policial em Salt Lake City, Utah, que estava à procura de uma criança desaparecida.

De acordo com o New York Daily News, os policias procuravam por uma criança de três anos de idade, quando o policial entrou no quintal de um morador de 27 anos de idade, Sean Kendall, no dia 18 de junho. Kendall não estava em casa no momento, em seu quintal estava o seu cachorro, um Weimaraner de dois anos de idade chamado Geist. O animal acabou levando um tiro em sua cabeça depois que se aproximou do oficial.

Segundo uma declaração do departamento de polícia, o oficial alega que Geist se aproximou dele "de forma agressiva", e por isso "atirou contra o cão".

Sean Kendall e Geist
O compreensivelmente indignado, Kendall, foi a imprensa local e criticou o modo como a ação foi executada pela polícia e alegou que Geist nunca foi agressivo e que ele estava apenas fazendo o que qualquer proprietário de um cachorro espera que ele faça no caso de um intruso. "Eu entendo a preocupação de uma criança desaparecida. Mas isso não nega os meus direitos como proprietário do imóvel. E ele não substitui o meu cachorro. Isso não justifica o que esse oficial escolheu fazer, isso foi usar a força letal no meu animal. Além do fato de que o oficial estava na minha propriedade sem ser convidado, (Geist) não estava fazendo nada, mas o que um cão deve fazer. Você compra um cão para ajudar a proteger sua propriedade, e isso é exatamente o que ele estava fazendo".

Axl também compartilha da mesma indignação e lamentou a trágica conduta dos policiais de Utah, postando, em seu twitter, a seguinte mensagem, "Jesus Geist! Policiais de Utah podem entrar em um quintal cercado com nenhuma evidência de qualquer coisa contra você e atirar em seu cão "agressivo" em vez de sair da área?". Esta é a segunda vez este ano que o músico sai em defesa dos animais. Em fevereiro, ele postou um comunicado sobre a morte de uma girafa saudável no zoológico de Copenhague, na Dinamarca.
A criança desaparecida foi encontrada dormindo dentro de sua própria casa, cerca de 30 minutos depois da morte de Geist.

Você pode conferir abaixo um vídeo gravado por Kendall, onde mostra ele chegando em sua casa após o ocorrido. Ele exige que o responsável pela morte de Geist seja demitido, pois o seu cão-amigo estava dentro de seu quintal, "em uma área cercada". Ainda relatou aos repórteres que está "extremamente frustrado e chateado" após uma reunião com altos funcionários da polícia da cidade e acredita que o julgamento do policial "foi completamente inapropriado". Uma página chama “Justice for Geist” foi criada no facebook pedindo justiça ao caso.

"Estou devastado, para ser honesto. Geist era um membro da minha família. Às vezes, ele era a única coisa, a única pessoa, o único conforto que eu tinha" disse Kendall ao jornal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário