Dizzy Reed: "O Guns atual é a melhor formação" | GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site: Dizzy Reed: "O Guns atual é a melhor formação"

quarta-feira, 19 de março de 2014

Dizzy Reed: "O Guns atual é a melhor formação"


Confira abaixo a entrevista que o tecladista Dizzy Reed concedeu ao G1:

G1 - Qual é a diferença do Guns do começo para o de agora?
Dizzy Reed -  Eram pessoas diferentes. Tinha uma energia que vinha das ruas, dos anos 80. Quando você se junta em uma banda há um tipo de mentalidade de “mosqueteiros”, como uma família. Quando entrei, o Guns era famoso. Há um pouco da energia original, mas nem todos viemos daquela época. É o mesmo, mas diferente.

G1 - Mas qual banda é melhor: a de hoje ou a do início?
Dizzy Reed - O Guns atual é uma das melhores formações que a banda já teve. Temos três guitarristas que estão entre os melhores do mundo e uma parte rítmica monstruosa. Se eu tivesse que votar, diria que é a atual.

G1 - O Guns já tem músicas novas gravadas, mas não lançadas?
Dizzy Reed - Temos muitas canções gravadas. Não sei se tem algo finalizado. Mas há muita coisa por aí, espero que saia logo. O som vem de diferentes lugares e se mistura, vira Guns N’ Roses. As letras são do Axl. Para mim, a inspiração vem da sobrevivência.

G1 - Sobrevivência em que sentido?
Dizzy Reed - A banda é minha sobrevivência, não sei mais fazer outra coisa. Olho para trás e penso: 'O que mais poderia fazer?' Quando você começa a tocar, não sabe quanto tempo vai durar. E aí um dia você acorda com os filhos todos crescidos. Não posso resolver ser algo diferente agora. Arqueólogo, piloto de avião... Não. Eu amo o que faço. E tenho que fazer.

G1 - No 'Chinese democracy', você foi coautor pela primeira vez. Como é trabalhar com o Axl? Pelo tempo que demora, deve ser difícil...
Dizzy Reed -  Ele não abre mão de fazer a música do melhor jeito possível. Muita gente comete o erro de dizer [com desleixo]: “Isso é o que temos, vamos gravar, eu compus então é bom”. Essas pessoas vão ter no máximo um hit. Já o Axl rala para fazer o melhor, seja um disco ou um show. Ele me fez ser melhor nessas coisas. Ele leva o processo criativo a um patamar alto. As ideias vêm e vão e ele está ligado no que acontece. Incentiva todo mundo a participar. Queria que as gravações não demorassem tanto, mas vale a espera.

G1 - Você é o mais antigo além do Axl. Como conseguiu ficar enquanto tantos entraram e saíram?
Dizzy Reed -  Você devia perguntar a eles (risos). Eu nunca quis sair, e ainda tive sorte de ter outros trabalhos. Sinto que pertenço à banda hoje, e nunca tive motivo para ir embora. Gosto muito da banda. O que mais faria?

G1 - O Guns hoje é visto como a banda do Axl. Vocês têm voz ou ele controla tudo?
Dizzy Reed -  Temos voz, mas é certamente a banda de Axl. Não há duvida disso. Mas é uma banda de verdade, e tenho sorte de estar nela.

G1 - Esse controle é diferente do início?
Dizzy Reed -  Sim, certamente a banda é mais dele hoje. Mas tenho certeza que o Axl sempre tomou as decisões certas para a banda.


Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário