Steven Adler: "Não estou mais bravo com Axl. Eu o amo" | GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site: Steven Adler: "Não estou mais bravo com Axl. Eu o amo"

sábado, 1 de dezembro de 2012

Steven Adler: "Não estou mais bravo com Axl. Eu o amo"



Nos últimos 20 anos, um enorme poster do Guns N' Roses, da primeira turnê da Inglaterra, esteve pendurado na sala de estar de Steven Adler. "Toda vez que vou ao banheiro tenho que passar por ele. Sempre o via e dizia a mim mesmo: "Um dia vamos nos reunir! Vamos fazê-lo! Somos uma equipe muito boa para não fazer isso novamente. "

Quando ele voltou para Los Angeles, em abril passado, após Axl Rose não comparecer a cerimônia de indução do Rock and Roll Hall of Fame, a atitude de Adler começou a mudar. "Agora eu passo, e digo: 'Estou muito feliz que fiz parte disso.Isso foi um grande e emocionante momento da minha vida'. É bom para apreciá-lo, mas não estou mais com raiva e ansiando por uma reunião. Não estou mais zangado sobre isso."

No momento, Adler está totalmente focado na primeira turnê de sua nova banda. Eles planejam passar boa parte do ano que vem tocando ao redor do mundo inteiro, e seu set será composto quase inteiramente por material novo. "Por respeito aos fãs, provavelmente faremos duas canções do Guns N' Roses. Provavelmente 'Sweet Child o' Mine' e 'Mr. Brownstone.' Mas, além disso, será canções desta banda, embora em alguns países teremos que tocar mais de duas. Faremos alguns shows com a banda do Duff McKagan, Loaded, na América do Sul, mas eu acho que não deveria falar sobre isso ainda."

Após a cerimônia do Hall of fame, Adler expressou tremenda frustração com Axl Rose, chamando-o de "imbecil" e prometeu nunca mais falar sobre ele em público novamente. Agora, ele diz, "Não estou mais bravo com Axl. Eu o amo e sinto-me abençoado por ter trabalhado com ele e conquistar o que conquistei com ele. Acho que o tempo cura todas as feridas".

Um comentário:

  1. Na verdade ele viu que foi o único culpado por ter sido expulso da banda. Se não tivesse abusado das drogas estaria curtindo até hoje.

    ResponderExcluir