Dizzy Reed: Estamos Sempre Compondo | GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site: Dizzy Reed: Estamos Sempre Compondo

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Dizzy Reed: Estamos Sempre Compondo


Confira abaixo a entrevista que o Ultimate Classic Rock fez com Dizzy Reed.

Então, Você acabou de chegar da turnê sul-americana, certo? Como foi tudo?
Sim! Conseguimos fazê-la, fizemos todos os shows, e foi grande. É sempre muito bom lá. As multidões são realmente sempre boas na América do Sul e México, cara. Eles gostam de se divertir. Também é bom ter uns dias de folga.

Você acha que está sendo dada excessiva atenção quando o show vai começar, ou quanto tempo demora para lançar um álbum?  Não é um pouco bobo falar sobre essas coisas demais? 
Na realidade, nunca pensei sobre isso, mas sim, é bobagem. É um show de rock pelo amor Deus!  Eu acho que temos mais do que nossa parte nisso, com certeza. Mas sim, supõe-se que a música é inspirada pela criatividade, coisas boas da vida e diversão.

Você está escrevendo material novo enquanto está em turnê?
Acho que todos nós, como músicos e aqueles de nós que nos considerarmos compositores, estão sempre escrevendo. Tenho um estúdio e o levo comigo em todos os lugares, e quando estou em casa é basicamente tudo o que eu faço. Há tanto material que foi gravado no passado, que pode aparecer em algum momento. Estamos sempre compondo.

Então, podemos talvez esperar ouvir em breve uma música nova do Guns N' Roses?
Espero que sim, esse é o plano. Mas neste momento estamos por aí tocando "Chinese Democracy" e algumas músicas dos velhos clássicos, talvez algumas novas surpresas,e é isso. Mas sei que sempre há algo preparado. Deve surgir alguma música nova em algum momento, com certeza.

Vocês tocaram muitas músicas do 'Chinese Democracy' ao vivo antes do álbum sair, mas as pessoas estão reagindo a elas diferente, agora que tem o álbum?
Sim, grande parte destas músicas, tocamos algumas versões ao vivo por cerca de, caramba ... 10 anos. Sabe, costumava ter alguém no meio do público tentando entender, mas desde que o álbum foi lançado você pode ver todos gostando dele. É muito contagioso também.

Você está no Guns N' Roses há mais de 20 anos, quais foram as influências musicais comuns que colocou você e Axl juntos?
Eu acho que nós dois somos filhos dos anos 70. Crescemos ouvindo as mesmas coisas no rádio. As coisas são diferentes agora, qualquer cidade que você estava tinha talvez duas ou três estações de rock e é o que você ouvia, isso era tudo. Dito isto, pra mim houve muita música excelente que surgiu naquele tempo. Ninguém, desse tipo, surgiu nessa mesma época que surgimos, tinha o mesmo gosto também. Pelo menos pessoas que eu escolheria para sair e tocar música! Tipo gravitar juntos, seguir na mesma direção.

Você acha que a música era melhor naquela época?
Não, eu só acho que havia menos escolhas, e as coisas não eram tão categorizadas. Não havia todos estes gêneros, não era tudo de repente nomeado com alguma coisa: "OK, isso é punk, isso é alternativo", você sabe. Era apenas rock n' roll.

Seria certo supor, que você sendo um tecladista, que Elton John foi uma grande influência em comum entre você e Axl?
(Brincando) Quem? Quem é Elton John? Não, é claro, Elton John. Ele é um dos melhores, na minha opinião. Isso é provavelmente porque Axl o convidou para tocar com a gente, no (1992) MTV VMAs. Esqueci disso, foi legal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário