Steven Adler: " minhas ações mudou o destino da banda" | GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site GNR Fans - Guns N' Roses Fan Site: Steven Adler: " minhas ações mudou o destino da banda"

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Steven Adler: " minhas ações mudou o destino da banda"




Recentemente Louie B. da revista on-line Big Wheel entrevistou Steven Adler. Confira alguns trechos da conversa abaixo.

Big Wheel: Então, quando você começou a escrever seu livro, você estava preocupado como contaria histórias envolvendo velhos amigos que podem não querer ser associados com as coisas que fizeram quando eram jovens ?

Steven Adler: "A principal coisa que eu quis fazer com o meu livro foi obter a verdade e não machucar ninguém. No meu livro assumo a responsabilidade de todas as minhas ações,por tudo o que aconteceu. Por 20 anos eu perdi minha vida,culpando e ficando com raiva de Slash,Duff,Izzy e Axl pensando que eles me decepcionaram. Infelizmente, demorou 20 anos e  ter de começar a trabalhar com Dr.Drew para perceber que eles não me decepcionaram,eu os decepcionei.
Eles contaram comigo e estraguei tudo. Foi um momento especial na minha vida,onde me ensinou crescimento,de ser um adolescente para ser um homem. Tenho que dizer que lamento para cada um deles, peço desculpas por culpá-los por tudo que aconteceu comigo. E tudo que fiz para deixar a banda fora de sintonia, minhas ações jogou uma chave na máquina e mudou o destino da banda. Sempre os culpei, e eu não poderia crescer como ser humano."

Big Wheel: Você sente que agora ,depois de ficar sóbrio que está tocando melhor do que  estava em seus 20 anos ?

Steven Adler: "Um ano e meio atrás comecei a tomar aulas de bateria. Cara, eu nunca tinha tido uma aula de bateria na minha vida! Estava em uma banda que chegou a vender 100 milhões de discos, mas nunca tinha tido uma aula de bateria ... Então, sim, eu comecei a ter aulas para melhorar como artista e músico. Eu amo tocar bateria e, claro, eu só queria ficar melhor, as aulas certamente me ajudou a chegar onde estou agora, sou o melhor que posso ser."

Big Wheel: No passado você teve problemas de saúde,sofreu um derrame. Como isso afetou sua vida e / ou tocar?

Steven Adler: "Eu tive um pequeno derrame. Felizmente, foi apenas moderado. Usar drogas fudeu o meu corpo e causou isso.Eu tive que tomar aulas de dicção para aprender a falar corretamente novamente. As drogas são fodas.Você sabe, eu não estava pensando na vida; usar drogas me deixou deprimido. Eu não me importava. Queria morrer de uma maneira, mas meu corpo deu um monte de besteiras. É realmente uma raridade para uma overdose de heroína, o organismo pode suportar muito!"

Big Wheel: Como você se sente sobre o legado de "Appetite For Destruction". É seu maior orgulho?

Steven Adler: "Eu ainda estou tão animado. Nós cinco tínhamos uma meta, tínhamos um sonho, e realizamos o nosso sonho! Nós estávamos trabalhando duro, e tanto quanto que estávamos preocupados que seria nossa única chance de conseguir fazer um disco, por isso tivemos de fazer o melhor disco possível. Queríamos que fosse como um álbum que pudesse viver para sempre, e foi isso que fizemos. Sempre serei feliz com isso. Houve momentos em minha vida onde não estava feliz por causa das drogas, mas fora isso sempre tive essa conquista para olhar para trás. É o álbum de estréia mais vendido de todos os tempos. Agora que estou limpo e vida sóbria, quero vivê-la, eu vou vivê-la! Vejam Izzy, ele vive bem a vida, ele foi o primeiro a ficar limpo."

Big Wheel: A indústria da música se mudou para pior ...

Steven Adler: "Sim, certo! Minha banda está aqui para dar ao rock and roll um chute na bunda. Temos botas de bico de aço e estávamos prontos para chutar e fazer coisas interessantes novamente. Estou feliz por ter trabalhado com Dr. Drew e estar totalmente recuperado agora, é ótimo. Eu fiz um giro de 180 graus na minha vida inteira. A reabilitação é uma das coisas mais difíceis de fazer, para passar por isso, leva um tempo. Eu saí uma pessoa melhor. Se eu consegui passar por isto, então eu posso passar qualquer coisa na vida. Isso é o que eu disse e é isso que fiz. Este é quem eu era, mas agora este é quem eu sou. Eu estou aqui e pronto para viver a minha vida. É bom estar vivo!"

Nenhum comentário:

Postar um comentário